Aquarius Ortodontia



(61) 3045.6788

WhatsApp: (61) 9610.4900

notícias

A expressão da saúde está associada à harmonia corporal, facial, em especial, a estética e beleza do sorriso. O interesse por procedimentos minimamente invasivos aumentou à medida que os avanços tecnológicos conseguiram proporcionar de maneira mais útil excelentes resultados estéticos para o rejuvenescimento do sorriso e da face.

Por isso, este ano passamos a oferecer também novos tratamentos como a Toxina Botulínica e o Preenchimento com Ácido Hialurônico. Veja como funciona e quais os benefícios desses tratamentos.


TOXINA BOTULÍNICA (“BOTOX”)

A toxina botulínica tornou-se um recurso terapêutico indispensável na Odontologia. Utilizada há mais de 20 anos na área da saúde ela é indicada para disfunções temporomandibulares, distonia orofacial, dores de cabeça tensionais, hábitos parafuncionais (bruxismo e briquismo), hipertrofia massetérica, sialoréia, assimetrias faciais de origem muscular, sorriso gengival e assimetrias labiais que podem causar exposição acentuada da gengiva. Recentemente, a aplicação profilática de toxina botulínica, vem sendo indicada em casos após reabilitações sobre implantes dentários, reduzindo forças mastigatórias e protegendo as próteses e implantes da carga excessiva.


PREENCHIMENTO COM ÁCIDO HIALURÔNICO

O preenchimento facial é um procedimento para embelezamento e reestruturação da pele envelhecida. O ácido hialurônico é uma das substâncias usadas para esta finalidade. Ele preenche rugas e sulcos, além de melhorar o contorno facial. Pode também ser utilizado para aumentar o volume dos lábios.

O procedimento é efetuado em consultórios e clínicas, com anestesia local ou simplesmente tópica, com agulhas ou cânulas. Como existem diversas formas de aplicações - desde a derme superficial, derme profunda e até o tecido subcutâneo -, existem inúmeros calibres e diversas dimensões de agulhas e cânulas para estas formas de aplicação. Para preenchimento dos lábios é feito um bloqueio anestésico, ou seja, a injeção é aplicada bloqueando o nervo dessa região, como a anestesia feita em procedimentos odontológicos.

O ácido hialurônico preenche o espaço entre as células e, em função da sua capacidade de atrair água para o local em que foi aplicado, ele melhora não só as rugas como também a hidratação da pele.

Os efeitos do preenchimento facial com ácido hialurônico aparecem logo após o tratamento, mas se tornam mais visíveis uma semana após a sessão, momento em que o inchaço do rosto é amenizado. Ele não é permanente e pode ficar no local de aplicação por um período de 12 a 20 meses, sendo reabsorvido paulatinamente pelo organismo.


Contraindicação

Portadores de doenças autoimunes em atividade, como o Lúpus Eritematoso Sistêmico, grávidas, mulheres em processo de amamentação, pessoas imunossuprimidas, pessoas com alergia a qualquer componente da formulação e com inflamação ou infecção no local a ser tratado não devem submeter-se a estes procedimentos.

Compartilhe